Elizabeth Jobim

Variações
Curadoria Sergio Bessa

O Paço Imperial inaugura no dia 1º de agosto a exposição Variações de Elizabeth Jobim.

Trata-se de uma instalação com sólidos cúbicos em três materiais: concreto pigmentado, madeira e granito. Esses sólidos são combinados formando conjuntos de até cinco elementos cada. Madeira e cimento são a base das construções. O granito olho de sapo é uma rocha local utilizada em arquitetura nos trabalhos de cantaria. Os elementos se agregam por justaposição ou sobreposição, engendrando grupos estáveis mas cambiáveis.

O concreto pigmentado é utilizado pela artista já há algum tempo e traz a cor como qualidade oriunda da pintura. Estas variações/combinações também jogam com o lugar e a função da base na escultura, que na tradição marca a separação entre a obra e o mundo.

Nas palavras do curador Sergio Bessa: “Ao longo das últimas três décadas, o trabalho de Elizabeth Jobim evoluiu gradualmente do expressionismo abstrato para uma prática construtiva cujo léxico comedido tem uma ou duas coisas em comum com o conceitualismo. De fato, em seu trabalho, já se reconheceram algumas vezes referências ao concretismo da fase inicial ou ao neoconcretismo, ao passo que a sutil manipulação do espaço pela artista continuou a passar despercebida. Com efeito, o trabalho feito por Jobim nesta última década é um desafio consistente às nossas expectativas sobre como a pintura deve se comportar no espaço, e sua produção mais recente levou à criação de objetos que desafiam classificações fáceis, embaçando a separação entre pintura e escultura. As implicações espaciais dessa nova abordagem foram radicais, à medida que os trabalhos gradualmente se jogaram para fora das paredes e se espalharam pelo chão”.


Elizabeth Jobim (Rio de Janeiro, 1957) formou-se em Comunicação Visual na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ), em 1981, e fez mestrado em Artes Plásticas (MFA), na Escola de Artes Visuais de Nova Iorque. Desde a década de 80 participa regularmente de exposições dentro e fora do país. Seus trabalhos estiveram presentes em instituições como MAM RJ, Museu de Arte do Rio, Pinacoteca de São Paulo, Instituto Casa Roberto Marinho, Lehman College Art Gallery (Nova Iorque), Bronx Museum of the Arts (Nova Iorque).

Paço Imperial
Praça XV de Novembro, 48
Centro - Rio de Janeiro
55 21 2215 2093
 
De terça a domingo, das 12 às 19h
Entrada Franca

Bistrô do Paço
De segunda a sexta, das 11h às 19h30
Sábados, domingos e feriados, das 12h às 19h
 
Restaurante Arlequim
De segunda a sexta, das 10h às 20h
Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h